Projeto conscientiza alunos da Educação para o descarte responsável do óleo de cozinha

Com o objetivo de conscientizar a comunidade sobre os prejuízos com o descarte inadequado do óleo de cozinha, os benefícios da reciclagem e promover, a longo prazo, mudanças de comportamento em nossa sociedade, a Prefeitura de Marília, por meio da Secretaria Municipal de Educação, em parceria com a Oleoquímica Brasil, localizada na cidade de Garça, realizou durante o ano de 2017 o Projeto “Óleo Recuperado”.

Nove Emefs (Escolas Municipais de Ensino Fundamental) participaram do projeto, que teve seu encerramento na última sexta-feira (1), totalizando um total de 2.241,60 litros.

O desenvolvimento do projeto consistiu na instalação, nas escolas participantes do projeto, de Eco pontos para coleta de óleo que seria descartado. Para cada litro de óleo arrecadado, a escola recebia o pagamento de R$ 1,00 (um real) que era depositado diretamente nas contas das APMs (Associação de Pais e Mestres) das escolas.

No final do projeto deste ano, foi feito o balanço da quantidade que cada escola arrecadou e a que teve um volume maior arrecadado foi a Emef “Governador Mário Covas” com 908 litros. Na escola, a classe que mais arrecadou foi o 3º ano D e, como prêmio, os alunos dessa classe ganharam um passeio no Bosque da cidade de Garça com o oferecimento de um lanche aos alunos.

Confira o quanto cada escola arrecadou: Emef Governador Mário Covas (908 litros), Roberto Caetano Cimino (443 litros), Nicácia Garcia Gil (285 litros), Cecília Alves Guelfa (259,5 litros), Edméa Braz Rojo Sola (40 litros), Myrthes Pupo Negreiros (76,10 litros), Geralda Vilardi (125 litros), Olimpio Cruz (40 litros) e Antônio Ribeiro (65 litros).

 

 

Fotos: Assessoria PMM

Facebook Email