Ir para o conteúdo

Prefeitura Municipal de Marília - SP e os cookies: Nosso site usa cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Ao continuar você concorda com a nossa Política de Cookies e Privacidade.
OK
Prefeitura Municipal de Marília - SP
Acompanhe-nos:
Rede Social Facebook
Rede Social Instagram
Notícias
Enviar para um amigo!
Indique essa página para um amigo com seus dados
Obs: campos com asterisco () são obrigatórios.
Enviando indicação. Por favor, aguarde...
MAR
30
30 MAR 2022
TRABALHO E DESENV. ECONÔMICO
Bosque, mirantes, parques, bikes; plano define propostas de cenários de turismo para Marília
enviar para um amigo
receba notícias
A proposta de reforma do Plano Diretor de Turismo envolve ainda uma análise das condições gerais para incremento do setor

A revitalização do Bosque Municipal, implantação de mirantes para curtir os vales, instalação de parques, espaços para bikes, lazer, museus e até vida noturna. São em resumo os cenários de turismo projetados pela proposta de revisão de Plano Diretor do Turismo de Marília, apresentado nesta terça-feira (29) pelo Conselho Municipal de Turismo.
Uma síntese do projeto lista alguns detalhes sobre as ideias gerais de cada proposta. Iniciativas como a reforma do bosque e um mirante já estão no alvo para projetos com recursos do governo do Estado.
Outras propostas são mais ousadas e arrastam discussão de décadas, como aproveitamento da área ao lado da ferrovia para formação de um parque linear.
O Plano é uma produção em conjunto da Secretaria Municipal do Trabalho, Turismo e Desenvolvimento Econômico, do Conselho Municipal, Marília Convention Bureau, ONG Origem, Unimar, Sindicato de Hotéis e órgãos públicos.
A proposta de reforma do Plano Diretor de Turismo envolve ainda uma análise das condições gerais para incremento do setor, como avaliação de pontos fortes, fracos e oportunidades a serem aproveitadas.
Lista 55 pontos fortes, que vão da existência do Conselho à diversidade de eventos corporativos e acadêmicos que criam turismo de negócios, além de estrutura de hotéis, restaurantes e aeroporto.
Aponta 32 fraquezas como ocupação irregular à beira dos vales, abandono de monumentos e estátuas, falta de legislação de fomento; desorganização de calendários de eventos e outros.
Entre as oportunidades, apresenta estrutura de polo regional e tendências de comportamento em ciclismo, esportes de aventura e espaços rurais, fuga dos grandes centros, entre outros.

Texto: Giro Marília
Fotos: Divulgação

Seta
Versão do Sistema: 3.2.9 - 07/12/2022
Copyright Instar - 2006-2022. Todos os direitos reservados - Instar Tecnologia Instar Tecnologia