Ir para o conteúdo

Prefeitura Municipal de Marília - SP e os cookies: Nosso site usa cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Ao continuar você concorda com a nossa Política de Cookies e Privacidade.
OK
Prefeitura Municipal de Marília - SP
Acompanhe-nos:
Rede Social Facebook
Rede Social Instagram
Notícias
Enviar para um amigo!
Indique essa página para um amigo com seus dados
Obs: campos com asterisco () são obrigatórios.
Enviando indicação. Por favor, aguarde...
AGO
17
17 AGO 2021
DIREITOS HUMANOS
Direitos Humanos e Emdurb se reúnem em prol da liberdade religiosa em Marília
enviar para um amigo
receba notícias
Solicitação é organização de fluxo de uso e acesso aos terreiros de umbanda e outras vertentes ao cemitério

O secretário municipal de Direitos Humanos, Delegado Wilson Damasceno, reuniu-se na manhã desta segunda-feira, dia 16, com o presidente da Emdurb (Empresa Municipal de Mobilidade Urbana), Dr Valdeci Fogaça, para parceria em prol da liberdade religiosa, principalmente garantindo os direitos das religiões de matrizes africanas (umbanda, candomblé e outros), conforme lei estadual Lei nº 17. 346 de 12 de março de 2021, com objetivo de combater a intolerância religiosa nos espaços públicos e privados.

A Emdurb de Marília é responsável pela administração do cemitério da Avenida da Saudade e, por isso, a Secretaria de Direitos Humanos, atendendo às reivindicações de pais e mães de santo através do Conselho Municipal de Promoção da Igualdade Racial, encaminhou o pedido na reunião ao presidente Dr. Valdeci Fogaça, o qual recebeu de forma muito positiva.
Solicitação é organização de fluxo de uso e acesso aos terreiros de umbanda e outras vertentes ao cemitério, para realização de cultos religiosos das matrizes africanas, com horários e dias da semana, além de um espaço fixo para realização das oferendas, assim se garante acesso, com segurança, sem riscos de marginalização ou discriminação por intolerância, garantindo respeito e a liberdade religiosa.
A Secretaria de Direitos Humanos será mediadora na formalização destes documentos a partir dos próximos encontros e visitas ao cemitério, junto com as autoridades religiosas de matrizes africanas e a Emdurb.
Esse é um dialogo inicial e de união com a Emdurb, com certeza será de grande êxito além de futuras parcerias, pois o presidente da pasta possui um olhar e uma gestão humanizada e inclusiva, o que proporcionou grandes passos nas relações de direitos humanos, institucionalizando o respeito e a visibilidade da valorização da tradição cultural e do direito à Fé entre as casas de terreiros de candomblé e umbanda.
“A Secretaria de Direitos Humanos vem cumprindo seu papel de mediadora até mesmo de canal de denúncias contra as intolerâncias, preconceitos e discriminação, garantindo direito universal, que é liberdade religiosa. Fico feliz pela disposição do presidente da Emdurb em contribuir na promoção da justa igualdade racial e religiosa em nosso município. Nosso próximo encontro será com o Secretário de Meio Ambiente e Limpeza Pública, Vanderlei Dolce, administrador dos cemitérios de distritos, visando encontrar idêntica solução”, disse o secretário Delegado Wilson Damasceno.
Para o presidente da Emdurb, Dr Valdeci Fogaça, “é muito importante ressaltar que essas questões que a Secretaria de Direitos Humanos vêm mediando são fundamentais para uma sociedade justa e igualitária, jogando um papel importante para nossa sociedade mariliense. Certamente essa abertura de espaço fará a diferença na vida de muitas pessoas e, principalmente, respeitando todas as questões filosóficas, religiosas, culturais, e quem ganha é a população livre da intolerância e discriminação”.

 

Fotos: Divulgação

Seta
Versão do Sistema: 3.2.2 - 02/05/2022
Copyright Instar - 2006-2022. Todos os direitos reservados - Instar Tecnologia Instar Tecnologia