Ir para o conteúdo

Prefeitura Municipal de Marília - SP e os cookies: nosso site usa cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Ao continuar você concorda com a nossa Política de Cookies e Privacidade.
ACEITAR
PERSONALIZAR
Política de Cookies e Privacidade
Personalize as suas preferências de cookies.

Clique aqui e consulte nossas políticas.
Cookies necessários
Cookies de estatísticas
SALVAR
Prefeitura Municipal de Marília - SP
Acompanhe-nos:
Rede Social Facebook
Rede Social Instagram
Notícias
Enviar para um amigo!
Indique essa página para um amigo com seus dados
Obs: campos com asterisco () são obrigatórios.
Enviando indicação. Por favor, aguarde...
MAI
23
23 MAI 2024
DIREITOS HUMANOS
Atendimentos no Núcleo de Apoio Humanitário da Secretaria Municipal de Direitos Humanos têm números recordes: em cinco meses deste ano registrou 30,8% a mais que o total de 2023
enviar para um amigo
receba notícias
Marília tem sido o ponto inicial para uma nova vida de muitos venezuelanos, haitianos, colombianos, argentinos, egípcios, espanhóis, sírios, afegãos, entre outras nacionalidades
De janeiro a maio deste ano, 314 imigrantes receberam acolhimento, atendimento médico, além de serviços jurídicos, de educação, assistência social e integração cultural, 30,8% a mais que o total registrado nos 12 meses do ano passado. De acordo com dados da Prefeitura Municipal de Marília, a Cidade Símbolo de Amor e Liberdade, localizada no Centro-Oeste paulista e distante 443 quilômetros da capital, tem sido destino para muitos imigrantes interessados em recomeçar a vida.
 
Reconhecida pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) como uma das 50 melhores cidades do Brasil para morar evidentemente pela qualidade de vida e infraestrutura social, comercial, industrial, turística e educacional que oferece e que eleva o Índice de Desenvolvimento Humano do Brasil (IDH), Marília tem sido o ponto inicial para uma nova vida de muitos venezuelanos, haitianos, colombianos, argentinos, egípcios, espanhóis (das Ilhas Canárias), afegãos e até sírios - que fugiram de ataques do Estado Islâmico, entre outras nacionalidades.
 
A informação é do Núcleo de Apoio Humanitário mantido pela Secretaria Municipal de Direitos Humanos com total apoio da Prefeitura Municipal de Marília, justamente para oferecer auxílios para garantia de direitos e integração dos migrantes internos ou imigrantes vindos de outros países, até mesmo refugiados.
 
A secretária municipal dos Direitos Humanos, Wania Lombardi, explica que o Núcleo de Apoio Humanitário tem objetivo essencial de prestar serviços de assessoria com parcerias intersetoriais, apoiada pelas Secretarias Municipais de Assistência Social e da Saúde, justamente para oferecer auxílio para garantia de direitos e integração do migrante e imigrante vindo de outros países, principalmente, neste momento em que existem guerras e muitas famílias ficam desamparadas socialmente e procuram ajuda de familiares e do Poder Público.
 
“É importante ressaltar que a secretaria de Direitos Humanos tem em seu fluxograma núcleos para oferecer assistência e criar parcerias para socorrer essas pessoas. Temos esse núcleo que oferece Apoio Humanitário; mas também contamos com o de Difusão de Direitos Humanos; de Inclusão Digital, o de Libras, de Fiscalização, Avaliação e Monitoramentos de Denúncias (disque 100/ ligue 180) e ainda o de Pessoa com Deficiência. Todos mantidos pela Prefeitura Municipal de Marília”, explica Wania Lombardi.
 
Média de 15 novos cadastros dia
 
O Núcleo de Apoio Humanitário tem sido muito procurado por oferecer assistência aos povos originários com apoio do Conselho Municipal de Promoção da Igualdade Racial (Compir), mas atende também imigrantes e refugiados. “Atualmente, temos atendido imigrantes de 28 nacionalidades, uma média de 15 acolhimentos por dia. Essas pessoas chegam em Marília através de entidades de classe ou ONGs assistenciais. A maioria vem com referência familiar ou comercial e procuram a Secretaria Municipal de Direitos Humanos para regularizar documentos e serem direcionadas para apoios psicológicos e para aprender o idioma (portugues brasileiro). Para isso contamos com o apoio da Unesp Marília”, explica a encarregada do Núcleo de Apoio Humanitário, Regina Célia Duarte.
 
De acordo com ela, a Secretaria Municipal de Direitos Humanos de Marília ainda não recebeu nenhum caso de imigrantes refugiados desabrigados, mas a procura tem sido muito grande na comparação com o ano passado. “Em 2023 realizamos exatos 240 atendimentos, já este ano, de janeiro a maio, foram registrados 314, ou seja, 30,8% a mais que o total registrado nos 12 meses de 2023”, revela Regina Célia.
 
O prefeito municipal Daniel Alonso (PL) salienta que Marília faz parte da rede de apoio aos imigrantes e através das Secretarias Municipais dos Direitos Humanos e Assistência Social, continuará acolhendo pessoas e oferecendo rede de apoio para garantir integridade física, psicológica e humanitária. “Nosso objetivo é disponibilizar atendimento médico, jurídico, educacional, alimentação e moradia e integração cultural. Vamos manter o nosso lema de ser uma Cidade Símbolo de Amor e Liberdade”, afirmou Daniel Alonso.
 
Fotos: Mariano Rocha
 
Noticia procon-marilia-promove-o-2-mutirao-renegocia-de-17-de-junho-a-5-de-julho-e-estimula-a
Há 4 horas
Procon Marília promove o 2º mutirão Renegocia, de 17 de junho a 5 de julho e estimula a população ao pagamento de dívidas e ter o nome limpo
Noticia prefeitura-municipal-de-marilia-e-secretaria-municipal-de-direitos-humanos-de-marilia
20 MAI 2024 - 17h17
Prefeitura Municipal de Marília e Secretaria Municipal de Direitos Humanos de Marília intensificam ações e iniciativas para avanço do Censo Inclusão para Pessoa com Deficiência
Noticia prefeitura-municipal-de-marilia-garante-assistencia-acolhimento-e-atendimento-de-saude
20 MAI 2024 - 11h58
Prefeitura Municipal de Marília garante assistência, acolhimento e atendimento de saúde às famílias do programa de remoção do CDHU
Noticia conselho-municipal-de-politica-lgbti-toma-posse-nesta-sexta-feira-dia-17-de-maio-no
16 MAI 2024 - 15h48
Conselho Municipal de Política LGBTI+ toma posse nesta sexta-feira, dia 17 de maio, no auditório do Paço Municipal de Marília
Noticia com-apoio-da-prefeitura-municipal-de-marilia-e-secretaria-municipal-de-direitos-humanos
15 MAI 2024 - 16h09
Com apoio da Prefeitura Municipal de Marília e Secretaria Municipal de Direitos Humanos, Procon realiza ação itinerante no Jardim Maracá
Noticia centro-de-referencia-da-mulher-realiza-atividades-em-homenagem-ao-dia-das-maes-e
13 MAI 2024 - 15h48
Centro de Referência da Mulher realiza atividades em homenagem ao 'Dia das Mães' e promove roda de conversa em parceria com a unidade Senac
Noticia procon-associacao-comercial-e-de-inovacao-e-o-sindicato-do-comercio-varejista-de-marilia
10 MAI 2024 - 17h09
Procon, Associação Comercial e de Inovação e o Sindicato do Comércio Varejista de Marília discutem regulamentação da Lei de Informação ao Consumidor
Noticia procon-de-marilia-faz-atendimento-itinerante-nas-vesperas-do-dias-das-maes-no-centro
09 MAI 2024 - 14h11
Procon de Marília faz atendimento itinerante nas vésperas do 'Dias das Mães', no centro da cidade
Noticia corais-com-deficientes-visuais-e-idosos-do-lar-sao-vicente-de-paulo-se-apresentam-no
08 MAI 2024 - 18h15
Corais com deficientes visuais e idosos do Lar São Vicente de Paulo se apresentam no auditório do Complexo Cultural 'Braz Alécio', incentivados pela Secretaria Municipal da Cultura de Marília
Noticia prefeitura-municipal-de-marilia-e-secretaria-municipal-dos-direitos-humanos-realizam-acao
07 MAI 2024 - 15h05
Prefeitura Municipal de Marília e Secretaria Municipal dos Direitos Humanos realizam ação ‘Dia das Mães’ no centro da cidade para divulgar o Centro Municipal de Referência da Mulher
Seta
Versão do Sistema: 3.4.1 - 29/04/2024
Copyright Instar - 2006-2024. Todos os direitos reservados - Instar Tecnologia Instar Tecnologia