Ir para o conteúdo

Prefeitura Municipal de Marília - SP e os cookies: Nosso site usa cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Ao continuar você concorda com a nossa Política de Cookies e Privacidade.
OK
Prefeitura Municipal de Marília - SP
Acompanhe-nos:
Rede Social Facebook
Rede Social Instagram
Notícias
Enviar para um amigo!
Indique essa página para um amigo com seus dados
Obs: campos com asterisco () são obrigatórios.
Enviando indicação. Por favor, aguarde...
DEZ
15
15 DEZ 2021
EDUCAÇÃO
Prefeitura restabelece equiparação salarial entre as funções de diretores escolares
Chefe do Executivo sancionou lei durante encontro no auditório do Paço Municipal
O prefeito Daniel Alonso sancionou no início da tarde desta terça-feira, dia 14 de dezembro, a Lei Número 8.766, que restabelece a equiparação da remuneração dos Professores de EMEI em atividade e que ocupam a função de Diretor de EMEI (a ser extinta na vacância) com a remuneração dos titulares do cargo de Diretor de Escola Municipal – a lei entrará em vigor no dia 1º de janeiro de 2022.
A sanção da lei ocorreu no auditório da Prefeitura de Marília e, além do chefe do Executivo, estavam presentes o vice-prefeito Cícero do Ceasa; os vereadores Marcos Rezende (presidente da Câmara) e Luiz Eduardo Nardi; os secretários municipais Coronel Marcos Boldrin (Administração), Levi Gomes de Oliveira (Fazenda) e Dr. Alysson Alex Souza e Silva (Assessor Especial de Governo).
Estiveram presentes ainda o Assessor Especial da Presidência Executiva do Ipremm, Fausto Augusto Rodrigues; o advogado do município, Fábio Henrique de Oliveira Jorge; e o chefe de gabinete do secretário municipal da Administração, José Carlos da Silva.
A reunião contou também com a presença de várias ex-diretoras de EMEI que foram contempladas com a lei, tendo a remuneração equiparada com o atual cargo de Diretor de Escola Municipal.
“Estamos fazendo justiça a esses professores de EMEI que ocupavam a função de diretor naquela época. Hoje a grande maioria já está aposentada, mas também será beneficiada com essa equiparação, assim como aqueles que estão ativos. Agradeço à Câmara Municipal que aprovou o projeto e agora pudemos sancionar essa lei, que abrangerá dezenas de servidores”, disse o prefeito Daniel Alonso.
O chefe do Executivo salientou a importância do trabalho desses profissionais, que tornaram Marília uma referência em Educação. “O trabalho desses diretores foi fundamental para que Marília conquistasse diversos prêmios na área de educação e se tornasse referência em todo o país. Além dos prêmios, lembro que Marília possui uma das melhores notas do Ideb (Índice de Desenvolvimento da Educação Básica), muito superior às médias estadual e nacional. Portanto, essa equiparação se fazia necessária e por isso estamos fazendo justiça com esses profissionais.”
A ex-diretora Maria do Carmo Capputti Mazzini destacou a conquista. “A data de hoje foi pontuada por uma grande conquista da categoria. Nós, diretoras de EMEI, ativas e aposentadas, conseguimos uma vitória junto à Administração Municipal que restabeleceu um direito que nossa categoria dispunha na carreira desde 2007 e que foi retirado em 2019, que é a equiparação salarial entre nossa categoria e a categoria de diretores de escola municipal. Ou seja, cargos e funções distintas, porém com mesmas atribuições, responsabilidades e deveres estavam com remunerações diferentes, nos prejudicando. Dialogamos com o prefeito Daniel Alonso a fim de expor o que estava ocorrendo e o prefeito compreendeu a situação, se sensibilizou com nossa categoria e solicitou a sua equipe que estudasse um meio legal e correto de atender nossa reivindicação. E foi o que aconteceu na data de hoje em que o prefeito Daniel sanciona uma lei que corrige a situação que estava nos prejudicando. Estamos muito felizes e agradecidas ao prefeito Daniel Alonso, que agiu com sensibilidade e justiça, restabelecendo nosso direito.”
Outra ex-diretora, Joelma de Godoy Parra, falou sobre a reunião. “Nós,  diretoras de EMEI, ativas e aposentadas, hoje viemos aqui agradecer ao prefeito Daniel Alonso por, juntamente com sua equipe de Governo, não medir esforços para nos atender e juntamente com a Comissão de Diretoras aposentadas, através de diálogos, conseguir um meio legal para reverter uma injustiça ocasionada em  2019, onde foram revogados alguns direitos por nós já adquiridos. Muito obrigado a todos que nos apoiaram para conseguirmos êxito em nossa empreitada e, em especial ao prefeito Daniel Alonso, que nos apoiou desde o início e viabilizou sua equipe para chegarmos a um bem comum.”


Fotos: Mauro Abreu/Assessoria de Imprensa PMM
Seta
Versão do Sistema: 3.2.2 - 02/05/2022
Copyright Instar - 2006-2022. Todos os direitos reservados - Instar Tecnologia Instar Tecnologia