Ir para o conteúdo

Prefeitura Municipal de Marília - SP e os cookies: nosso site usa cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Ao continuar você concorda com a nossa Política de Cookies e Privacidade.
ACEITAR
PERSONALIZAR
Política de Cookies e Privacidade
Personalize as suas preferências de cookies.

Clique aqui e consulte nossas políticas.
Cookies necessários
Cookies de estatísticas
SALVAR
Prefeitura Municipal de Marília - SP
Acompanhe-nos:
Rede Social Facebook
Rede Social Instagram
Notícias
Enviar para um amigo!
Indique essa página para um amigo com seus dados
Obs: campos com asterisco () são obrigatórios.
Enviando indicação. Por favor, aguarde...
NOV
13
13 NOV 2023
ADMINISTRAÇÃO
ASSISTÊNCIA SOCIAL
DIREITOS HUMANOS
PROCURADORIA GERAL DO MUNICÍPIO
Marília sedia 19ª edição do Congresso de Direito do Trabalho Rural do TRT da 15ª Região e chefe do Poder Executivo ressalta influência do evento para todo o Brasil
enviar para um amigo
receba notícias
“Marília se tornou a capital do Direito do Trabalho Rural por dois dias e as discussões aqui vão influenciar diretamente as relações trabalhistas do meio rural em todo o território nacional”, declarou o prefeito municipal, Daniel Alonso
Marília sediou entre os dias 9 e 10 de novembro a 19ª edição do Congresso de Direito do Trabalho Rural do Tribunal Regional do Trabalho (TRT), da 15ª Região, que trouxe para a cidade grandes autoridades do setor, incluindo desembargadores, entre eles o presidente do TRT da 15ª Região, Dr Samuel Hugo Lima, e o presidente do TRT da 4ª Região, desembargador Dr Francisco Rossal de Araújo. A abertura oficial, realizada no anfiteatro da Universidade de Marília (Unimar), contou com a participação do prefeito de Marília, Daniel Alonso, secretário municipal da Assistência Social, Delegado Wilson Damasceno, presidente da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) de Marília, Dr Tércio Spigolon, e o reitor da Unimar, Márcio Mesquita Serva.
 
Também prestigiaram a solenidade o procurador da República, Dr Jefferson Aparecido Dias, desembargador Dr Carlos Alberto Bosco, juiz do Trabalho em Marília, Dr Alexandre Garcia Muller, a advogada Dra Cristiani Dozin Vilela, que na ocasião representou a presidente da seção estadual da OAB São Paulo, Dra Patrícia Vanzolini e o conselheiro regional da OAB e advogado Dr João Carlos Pereira. “Marília se tornou a capital do Direito do Trabalho Rural por dois dias e as discussões aqui vão influenciar diretamente as relações trabalhistas do meio rural em todo o território nacional”, declarou o chefe do Executivo de Marília.
 
Daniel Alonso ressaltou que, atualmente, o TRT da 15ª Região é o segundo maior tribunal trabalhista de todo o Brasil, possuindo mais de 150 varas do Trabalho, “composto por um exército de 371 juízes, 55 desembargadores e mais de 3 mil servidores”, contextualizou. “São estes homens e mulheres que, diariamente, asseguram as garantias individuais e coletivas de outros homens e mulheres, que trabalham pelo fortalecimento de nossa sociedade. É através do trabalho que a roda da economia gira e tudo acontece. E, o campo, o meio rural, por sua vez, tem papel imprescindível na geração das nossas riquezas, bem como no aquecimento do Produto Interno Bruto, o PIB, do nosso Brasil”, afirmou. O prefeito de Marília ponderou que as discussões e plenárias promovidas durante a programação da 19ª edição do Congresso de Direito do Trabalho Rural do TRT da 15ª Região visaram aperfeiçoar e humanizar as relações trabalhistas, “inclusive no conceito de produtividade dentro de um agronegócio cada vez mais mecanizado”, ponderou. O reitor da Unimar, Márcio Mesquita Serva, agradeceu a dedicação do prefeito Daniel Alonso por Marília e elogiou seus esforços pelo fortalecimento da cidade. “O prefeito Daniel luta por uma Marília cada vez melhor”, disse.
 
Ao discursar na abertura do congresso, o desembargador Samuel Hugo Lima, presidente do TRT da 15ª Região e da comissão organizadora do evento, mencionou o crescimento notável do agronegócio brasileiro, ponderando sobre a dignidade do trabalho rural. Antes de concluir sua fala, citou um trecho do poema de Tomás Antônio Gonzaga (1744-1810), ‘Marília de Dirceu’, texto literário que inspirou o nome da cidade de Marília. “Eu, Marília, não sou algum vaqueiro que viva de guardar alheio, gado, de tosco-trato… Dá-me vinho, legume, fruta, azeite; Das brancas ovelhinhas, tiro o leite e mais as finas lãs…’, citou o presidente do TRT.
 
Fotos: Ramon Barbosa Franco
 
 
Seta
Versão do Sistema: 3.4.0 - 05/02/2024
Copyright Instar - 2006-2024. Todos os direitos reservados - Instar Tecnologia Instar Tecnologia