Ir para o conteúdo

Prefeitura Municipal de Marília - SP e os cookies: Nosso site usa cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Ao continuar você concorda com a nossa Política de Cookies e Privacidade.
OK
Prefeitura Municipal de Marília - SP
Acompanhe-nos:
Rede Social Facebook
Rede Social Instagram
Notícias
Enviar para um amigo!
Indique essa página para um amigo com seus dados
Obs: campos com asterisco () são obrigatórios.
Enviando indicação. Por favor, aguarde...
MAI
13
13 MAI 2021
CORONAVÍRUS
Prefeitura marca ação de vacinação contra a Covid-19 para pessoas com comorbidades ou doenças cardiovasculares de 50 anos e mais
Ação vai acontecer neste sábado (15), das 8h às 19h, no ginásio da Unimar, sendo que link para agendamento abre nesta sexta (14), às 9h

A Prefeitura de Marília, por meio da Secretaria Municipal de Saúde, marcou uma nova ação de vacinação contra a Covid-19 para este sábado, dia 15 de maio, das 8h às 19h, no ginásio de esportes da Unimar (Universidade de Marília).
A ação será para as pessoas com comorbidades ou doenças cardiovasculares na faixa etária de 50 anos e mais, que poderão receber a primeira dose da vacina Astrazeneca.
Para receber a vacina na ação deste sábado (15) haverá a necessidade de agendamento prévio pelo link servicos.marilia.sp.gov.br/agendamento, que abrirá nesta sexta-feira, dia 14, às 9h.
No dia da vacinação será obrigatório apresentar documentos para a comprovação dessas comorbidades, que são eles: exames, receitas, relatório médico ou prescrição médica, desde que conste o CRM do (a) médico (a).
A Secretaria Municipal da Saúde informa que será obrigatória a apresentação de um documento com foto e o comprovante de agendamento de horário (impresso ou pelo celular), sendo que não será permitida a entrada de crianças no local de vacinação.
É importante lembrar ainda que as pessoas que receberam a vacina Influenza com menos de 14 dias, tiveram Covid Positivo ou Dengue com até 28 dias, não poderão receber a vacina contra a Covid-19, sendo que devem aguardar os dias necessários para a vacinação.

Confira as comorbidades, de acordo com o Plano Estadual de Imunização:

-Diabetes mellitus - Qualquer indivíduo com diabetes.
-Pneumopatias crônicas graves - Indivíduos com pneumopatias graves, incluindo doença pulmonar obstrutiva crônica, fibroses pulmonares, pneumoconioses, displasia broncopulmonar e asma grave (uso recorrente de corticoides sistêmicos, internação prévia por crise asmática).
-Hipertensão Arterial Resistente (HAR) - Quando a pressão arterial permanece acima das metas recomendadas com o uso de três ou mais anti-hipertensivos de diferentes classes, em doses máximas preconizadas e toleradas, administradas com frequência, dosagem apropriada e comprovada adesão ou PA controlada em uso de quatro ou mais fármacos anti-hipertensivos.
-Hipertensão arterial estágio 3 - PA sistólica >=180mmHg e 179mmHg e/ou diastólica >= 110mmHg independente da presença de lesão em órgão-alvo (LOA) ou comorbidade.
-Hipertensão arterial estágio 1 e 2 com lesão em órgão-alvo e/ou comorbidade - PA sistólica entre 140 e 179mmHg e/ou diastólica entre 90 e 109mmHg na presença de lesão em órgão-alvo e/ou comorbidade.


DOENÇAS CARDIOVASCULAR
-Insuficiência cardíaca (IC) - IC com fração de ejeção reduzida, intermediária ou preservada; em estágios B, C ou D, independente de classe funcional da New York Heart Association.
-Cor-pulmonale e Hipertenção pulmonar - Cor-pulmonale crônico, hipertenção pulmonar primária ou secundária.
-Cardiopatia hipertensiva - Cardiopatia hipertensiva (hipertrofia ventricular esquerda ou dilatação, sobrecarga atrial e ventricular, disfunção diastólica e/ou sistólica, lesões em outros órgãos-alvo).
-Síndromes coronarianas - Síndrome coronarianas crônicas (Angina Pectoris estável, cardiopatia isquêmica, pós infarto Agudo do Miocárdio, outras).
-Valvopatias - Lesões valvares com repercussão hemodinâmica ou sintomática ou com comprometimento miocárdico (estenose ou insuficiência aórtica; estenose ou insuficiência mitral; estenose ou insuficiência pulmonar; estenose ou insuficiência tricúspide, e outras).
-Miocardiopatias e Pericardiopatias - Miocardiopatias de quaisquer etiologias ou fenótipos; pericardite crônica; cardiopatia reumática.
-Doenças da Aorta, dos Grandes Vasos e Fístulas arteriovenosas - Aneurismas, dissecções, hematomas da aorta e demais grandes vasos.
-Arritmias cardíacas - Arritmias cardíacas com importância clínica e/ou cardiopatia associada (fibrilação e flutter atriais; e outras).
-Cardiopatias congênitas no adulto - Cardiopatias congênitas com repercusão hemodinâmica, crises hipoxêmicas; insuficiência cardíaca; arritmias; comprometimento miocárdico.
-Próteses valvares e Dispositivos cardíacos implantados - Portadores de próteses valvares biológicas ou mecânicas; e dispositivos cardíacos implantados (marca-passos, cardio desfibriladores, ressincronizadores, assistência circulatória de média e longa permanência.
-Doença cerebrovascular - Acidente vascular cerebral isquêmico ou hemorrárigo; ataque isquêmico transitório; demência vascular.
-Imunossuprimidos - Indivíduos transplantados de órgão sólido ou de medula óssea; pessoas vivendo com HIV; doenças reumáticas imunomediadas sistêmicas em atividade e em uso de dose de prednisona ou equivalente > 10mg/dia ou recebendo pulsoterapia com corticoide e/ou ciclofosfamida; demais individuos em uso de imunossupressores ou com imunodeficiências primárias; pacientes oncológicos que realizaram tratamento quimioterápico ou radiopático nos últimos 6 meses; neoplasias hematológicas hematológicas
-Hemoglobinopatias graves - Doença falciforme e talassemia maior
-Obesidade mórbida - Índice de Massa Corpórea (IMC) >= 40
-Cirrose hepática - Cirrose hepática Child-Pugh A, B ou C.

 

CAMPANHA VACINA CONTRA A FOME

Participe da campanha: Vacina Contra a Fome, e ajude na luta contra um outro "vírus" que também é extremamente perigoso e afeta muita gente. Quando chegar a sua vez de se vacinar contra a COVID-19, leve qualquer alimento da cesta básica, no próprio posto de vacinação.

O objetivo da campanha é beneficiar famílias vulneráveis e com déficit nutricional durante o enfrentamento da pandemia do coronavírus. A coordenação da Campanha em Marília é comandada pela Secretaria de Assistência e Desenvolvimento Social e tem o apoio do Fundo Social de Solidariedade.

Em cada local de vacinação haverá uma caixa identificada para a doação. Todo alimento arrecadado será entregue às entidades sociais cadastradas pelo Fundo Social. A doação não é obrigatória, mas os alimentos não perecíveis vão ajudar a quem mais precisa nesse momento onde a generosidade é essencial.


Fotos: Assessoria de Imprensa PMM

Secretarias Vinculadas
Seta
Versão do Sistema: 3.1.9 - 17/01/2022
Copyright Instar - 2006-2022. Todos os direitos reservados - Instar Tecnologia Instar Tecnologia